Chave de Nível Capacitiva Série CLS2
Pó, Granulado ou Líquidos. Auto Calibração

 

 

A Chave de Nível Serie CLS2 comercializada pela Hygro-Therm usa tecnologia capacitiva. Isenta de partes móveis, proporciona longos anos de serviço sem travar, sem desgastar, sem quebrar, eliminando-se serviços de manutenção. A Série CLS2 usa tecnologia avançada de admitância de RF na medição de impulsos. Equipada com um protetor ativo, fornece excelentes medições estáveis no controle de níveis sendo insensível ao acúmulo de resíduos no probe sensor. Esta tecnologia, também fornece imunidade a fontes externas de RF geradas por walkie-talkies, telefones celulares bem como, a mínima interferência de radio comunicação ou com qualquer outro sistema eletrônico.

A tecnologia capacitiva no controle de nível, também pode ser empregada em materiais á granel, líquidos e pós, e ótima para a grande maioria dos materiais de difícil aplicação tais como lama, resíduos industriais, produtos de revestimento e líquidos com sólidos.  A Chave de Nível Série CLS2 é ideal no controle de nível em silos receptores de reabastecimento e transportadores com sistemas pneumáticos de abastecimento. Também pode ser usada em aplicações de interface para detectar o nível de dois líquidos imiscíveis que tem constantes dielétricas diferentes tais como óleo e água. Os materiais das partes em contato (sensor probe), PVDF e aço inox 316 asseguram grande compatibilidade química encontrada nas exigências da classe de alimentos.

CARACTERÍSTICAS

  • Calibração Automática: Não é necessário girar nenhum potenciômetro apenas aperte o botão de calibração. O CLS2 tem um ímã externo que possibilita a calibração, sem ter que abrir o invólucro do sensor.
  • Fonte de Alimentação Universal: Um modelo opera com tensões de 12 até 240 Vca/Vcc, sem nenhum ponto de ajuste.
  • Proteção Contra Alarmes Falsos: A unidade não é afetada pelos materiais pegajosos, aglutinamento de pós ou materiais que revestem ou que se acumulam em cima da ponta do sensor probe.
  • Ajuste de Segurança: Na falta de energia elétrica, os reles de saída podem ser ajustados para “Normalmente Aberto ou Normalmente Fechados”.
  • Indicação de Status: Indicador externo de status da chave por Led vermelho de alta luminescência. Os indicadores internos de status, também podem ser visto através do visor, o status de alimentação, sensor e status do rele (LED externo opcional disponível somente nos modelos à prova de tempo).
  • Tempo de Retardo: Previne alarmes falsos provocados por agitação ou pulverização dos materiais.
  • Terminais Removíveis: O bloco de terminais removível pode ser sacado para fora do invólucro, permitindo fazer as ligações elétricas facilmente.

EXEMPLO DE MODELOS

CLS2-W11RK1-019

 

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

Aplicação: Líquidos, pós materiais á granel e a maioria dos materiais compatíveis com as partes em contato com o processo.

Partes em Contato com o Processo: Aço inoxidável 316 e fluoreto de polivinilideno (PVDF).

Limites de Temperaturas: Ambiental de -40 até 85°C e de - 20 a 85°C com fonte de alimentação inferior a 24 Vcc/Vca. Processos de - 40 até 121°C.

Limites de Pressão: 25 bar (365 psig).

Proteção do Invólucro: A prova de tempo, NEMA 4X. Opcional a prova de explosão.

Tipo da Chave: DPDT (Dupla no formato C).

Capacidade Elétrica dos Contatos: 8A @ 120/240 Vca resistivo ou 30 Vcc. Indutivo; ½ HP em 120 Vca ou ¼ de HP em 240 Vca.

Alimentação: Desde 12 até 240 Vcc/Vca e de 24 até 240 Vcc/Vca.

Potência de Consumo: 2,8 Watts máximos.

Conexões Elétricas: Bloco de terminais removível com parafusos.

Conexão ao Conduite: ½” NPT-M.

Conexão ao Processo: ¾” NPT-M. Opcionais; 1”, 1½” NPT-M e 1”, 1½” BSP. Contate a Hygro-Therm para fornecimento com conexões sanitárias.

Posições de Montagem: Vertical ou horizontal.

Ajuste do Ponto de Atuação: Desenergiza o rele ao toque do produto na ponta do sensor probe.  Cortar ou estender a ponta do sensor no comprimento do ponto desejado do desenergizamento do rele. O sensor probe pode ser encurtado até 25 mm ou prolongado, se soldando uma extensão adicional ao sensor. (O comprimento mínimo será efetuado pelo contato do material que está sendo detectado).

Tempo de Resposta: 0,2 segundo.

Tempo de Retardo: Ajustável entre 0 até 60 segundos.

Proteção contra Descarga Estática: Centelhador de faísca de 1,0 MΩ. Corrente de surto de 100 mA máximo.

Sensitividade: Selecionável em 8 escalas de ajustes; 1, 2, 4, 6, 8, 10, 14 e 20 pf (picofarad) (capacitância livre, até 30 pf nominal).

 

1) Botão de calibração – Pressionando-se duas vezes esse contato, inicia-se o processo de calibração automática.

2) Potenciômetro de Retardo – Esse controle seleciona um tempo de retardamento de 0 a 60 segundos entre a detecção de uma alteração de nível e a saída.

3, 4) Seleção de Operações – Os contatos do Dip Switch selecionam o nível de sensibilidade e o modo à prova de falhas. (FAIL SAFE).

5) LED de Saída – Vermelho. Esse LED é iluminado quando o relé é ligado. Ele é afetado pelo ajuste do modo à prova de falhas e pelo retardamento. Este LED opera em conjunto om o LED de aviso externo – cor vermelha.

6) LED do Sensor – Amarelo. Esse LED é iluminado imediatamente quando a capacitância do sensor excede o limite do ponto de ajuste. 

7) LED de Alimentação – Verde. Esse LED é iluminado quando o instrumento é ligado e indica que está sendo fornecida energia ao circuito.

8) Imã de Calibração Externo -  Imã externo ligado a uma corrente para iniciar a calibração sem abrir a caixa. A calibração é iniciada quando o imã entra em contato com o ponto de calibração duas vezes.

 
 

 

MODELOS

Exemplo

CLS2

W

1

1

R

K

1

019

MC

CLS2-W11RK1-019-MC

Série

CLS2

 

 

 

 

 

 

 

 

Chave de Nível Capacitiva

Invólucro

 

W

 

 

 

 

 

 

 

A Prova de Tempo

Chave

 

 

1

 

 

 

 

 

 

DPDT, capacidade 8A @ 12/240 Vca, 30 Vcc res.

Alimentação

 

 

 

1

 

 

 

 

 

12-240 Vac/Vcc.

Tipo do Probe

 

 

 

 

R

C

 

 

 

 

Haste Standard: 316 SS, com Ø 9,52 mm.

Cabo: Aço Inoxidável 316 com peso

Material de Isolação

 

 

 

 

 

K

 

 

 

PVDF

Conexão ao Processo

 

 

 

 

 

 

1

2

3

4

5

6

 

 

¾” NPT-M

1” NPT-M

1 ½’ NPT-M

¾” BSP

1” BSP

1 ½’ BSP

Comprimento do Probe

 

 

 

 

 

 

 

XXX

 

Comprimentos de inserção em Polegadas.

Exemplo: 019 é igual a 19” de comprimento.

(Comprimento mínimo de 6”, com  ¾” que detecta a ponta.

Opção

 

 

 

 

 

 

 

 

MC

WC

FG

M20 Conexão ao conduite com Prensa-Cabos.

Visor de sinalização de Status.

Materiais molhados da classe de alimento

VOLTAR  |  ADICIONAR AO OR´┐ŻAMENTO
Copyright © 1999 - 2018 - Hygro-Therm ® - Todos os Direitos Reservados
R. Paulino Rolim de Moura, 102 - Vila Feliz - São Paulo/SP • CEP: 03616-050 • Tel: (0xx11) 2687-0328 • 2687-0686 • 2687-1522 • Fax: (0xx11) 2684-5279
e-mail: hygro-therm@hygro-therm.com.br